CICLOS DE APRENDIZADO
GOVERNANÇA CORPORATIVA – JORNADA EVOLUTIVA

INSIGHT_LEAN_SOLUTIONS_CICLOS_DE_APRENDI

Governança Corporativa – Jornada Evolutiva


O caminho de crescimento das startups em suas diversas etapas (ideação, operação, tração, escala) é focado em aceitação do produto, crescimento do mercado, rentabilidade, time e captação de investimentos.

Tudo bem até aí, afinal a startup tem que ter agilidade nesse processo. O tema governança não é muito conhecido e muito menos trabalhado nas fases iniciais, até o momento em que é exigido pelos investidores.

Aí, CEO/gestores correm para se adaptar às exigências e, às vezes, podem ter dificuldades em função da desorganização já instalada. Governança não precisa ser sinônimo de complexidade e sim de boa gestão.

Afinal, o que é governança?


É um sistema com práticas, processos e estruturas que promove transparência para a empresa. 
A governança define e garante os direitos, deveres e relações entre as pessoas dentro e fora da organização.

 

Por que preciso de governança?


A governança é um fator importante para impulsionar o valor da empresa e aumentar a sua confiabilidade para todas as partes interessadas (fundadores, time, investidores, clientes, fornecedores).


Os investidores demandam ações transparentes que mostrem credibilidade da empresa.
 

Os papéis e responsabilidades dos fundadores e gestores  precisam estar claros e bem cumpridos, utilizando como base essas práticas e processos de forma consistente.

 

Como é a jornada de governança? 


Em cada fase da startup, o cardápio de práticas e processos vai evoluindo. Alguns exemplos:

 

  • Operação / validação: contratos e acordos,  propósito da empresa definido,  separação dos bolsos da empresa e dos sócios, controles financeiros para prestar contas a investidores, ritos de gestão, relações com clientes e fornecedores, relações com mentores e conselheiros, registro da propriedade intelectual,...

  • Tração: estabelecimento do que faz o sócio e do que faz o gestor executivo, responsabilidades e alçadas, planejamento e acompanhamento do orçamento, controles e ritos de gestão em evolução, pensamento e execução da estratégia, estabelecimento do conselho consultivo,...

  • Escala: padrões de conduta, conselho de administração e auditoria externa, gestão estratégica de médio / longo prazo e gestão dos riscos, maturidade dos controles e das relações com investidores, e até planejamento da sucessão de lideranças,...
     

  • Monitoramento: maturidade plena dos relatórios e dos ritos de gestão e de governança, aconselhamento estratégico, atendimento pleno dos investidores e demais interessados na empresa,...


O que a governança traz de benefícios para a startup?


A governança organiza a empresa e dá conforto aos sócios, investidores e gestores, porque: 

 

  • Reduz conflitos entre sócios e com investidores.

  • Dá confiança aos investidores e demais partes interessadas.

  • Explicita e ancora os  valores da empresa, organiza  condutas, protege a criação intelectual.

  • Organiza os controles e as práticas, os processos e os ritos da gestão, e traz clareza estratégica e operacional.

  • Organiza a gestão da estratégia e dos riscos, preparando para novos saltos.

  • Valoriza a empresa no mercado.

Visão do Mercado

Governança é tema importante para aceleradoras e investidores. A implantação da governança na startup é considerada como um diferencial para atrair investimentos.


Por quê?

Porque os investidores valorizam as empresas que têm controle sobre os processos de gestão e que são capazes de entregar os resultados prometidos.

No processo de crescimento das startups, ter processos gerenciais bem estruturados e responsabilidades internas bem definidas traz eficiência e profissionalização, além de ser de grande ajuda para atravessar melhor as crises, se reposicionar e crescer de maneira sustentável. 


Segundo o CEO e sócio fundador da startup Hyupp, Ahmed Kadura,“Para captar recursos é imprescindível ter uma boa governança, ter um plano de negócios bem desenhado e um projeto bem apresentado. Dessa forma você consegue mostrar que não é um aventureiro e que tem domínio sobre o plano traçado”.


E você, se quisesse investir em uma startup, também  consideraria escolher uma com governança para minimizar o risco do investimento?

LEAN SOLUTIONS

A DMS PARTNERS / LEAN SOLUTIONS apoia o processo de crescimento e estruturação de STARTUPS com produtos direcionados a solucionar as dores e angústias dos novos gestores, de forma ágil e respeitando a evolução nas diversas etapas da startup: gestão da empresa e do time; go-to-market/marketing; branding; estratégia/ governança.

LEANT.jpg