top of page
Buscar

O Desafio da venda de EMPRESAS DE PEQUENO e MÉDIO PORTE no Brasil

Atualizado: 20 de fev. de 2023


Edson Gissoni – Sócio Executivo da DMS PARTNERS


O mercado de fusões e aquisições de empresas de pequeno e médio porte no Brasil, segundo o portal Fusões & Aquisições, continua aquecido, sendo que operações com valor de transação até R$ 50M representaram, em 2022, 68,3% do número total de transações realizadas no período (1197 transações de um total de 1752 no período).


Quando considerado, valores de transações até R$ 500M, este percentual sobe para 91,8% do total de transações (1608 transações de um total de 1752 no período).


No que se refere aos montantes transacionados, operações com valor de até R$ 50M

movimentaram cerca de R$ 17B, crescimento de 9,7% sobre os montantes transacionados em 2021, alcançando um valor médio de R$ 14,2M por operação.


Boa parte dos fundadores e/ou proprietários de empresas com esse perfil (pequenas e médias empresas), em algum momento do seu ciclo empresarial são confrontados com a necessidade e/ou desejo de realizar o retorno do investimento de uma vida de trabalho e de dedicação.


Os motivadores podem ser os mais variados possíveis, desde a falta de potenciais sucessores que possam dar continuidade ao empreendimento, seja simplesmente o desejo de ter mais tempo para se dedicar aos interesses pessoais ou familiares.


A maioria desses proprietários, no entanto, tem dificuldade, receio ou desconhece a melhor forma de conduzir um processo de preparação e colocação do seu empreendimento a venda.


Alguns acreditam que podem conduzir o processo por conta própria e acabam se frustrando, após algumas tentativas fracassadas, onde após abordarem alguns potenciais compradores e/ou investidores com uma oferta não estruturada, se veem confrontados com ofertas de valor muito menor do que o desejado ou com comentários depreciativos em relação ao seu negócio.


O processo de venda de uma empresa, ao contrário do processo de venda de outros ativos como imóveis e veículos, é complexo e necessariamente precisa de um suporte profissional na sua estruturação e condução.


Trata-se da venda não apenas de um ativo, mas de uma operação de negócios onde por parte dos possíveis interessados todos os aspectos comerciais, operacionais e financeiros serão avaliados e possivelmente auditados, para se chegar a um valor referência para negociação.

Aspectos não apenas internos serão ponderados, mas externos também como, por exemplo, o mercado onde a empresa atua e sua expectativa de crescimento (do mercado e não apenas da empresa), possíveis riscos a serem mitigados e oportunidades de sinergia entre as operações da empresa sendo vendida e a operações do possível comprador.


Na condução do processo de preparação e venda de empresas por profissionais especializados, várias etapas são conduzidas (tema do nosso próximo artigo) visando se alcançar o sucesso no fechamento da operação, mas cabe aqui destacar que além do conhecimento técnico e comercial especializado no tema, um dos principais fatores positivos que uma assessoria externa contribui ao processo, é a possibilidade dos sócios-proprietários durante todo o processo, se preservarem como última instância de negociação, evitando frustrações ou desgastes desnecessários que muitas vezes acabam gerando perda de valor na transação.

175 visualizações1 comentário

Posts recentes

Ver tudo

1 Comment

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Julius Goldfarb
Julius Goldfarb
Feb 27, 2023

Tema relevante e muito apropriado ,afinal, o segmento de Médias e Pequenas Empresas demanda uma atenção especial .A DMS Partners com seu Time experiente e empreendedor pode apoiar sua Empresa na melhor estratégia de negócios e na realização do seu Projeto. Venha conversar conosco.

Like
bottom of page